Banner
Tradutor/ translator/ traductor/ Übersetzer/ traducteur/ traduttore/ oversætter

CCZ registra o sexto caso de morcego positivo para o vírus da raiva, em Piracicaba, neste ano.

O animal foi recolhido vivo, caído no quintal de um imóvel comercial, no bairro centro. É o segundo caso positivo registrado no centro, neste ano.

Até a data de 26/09/2016, enviamos ao laboratório do Centro de Controle de Zoonoses de São Paulo, 281 morcegos para exame de diagnóstico de raiva, os quais são recolhidos pela nossa equipe, quando estão suspeitos de estarem doentes, ou seja, se apresentam em situações fora das condições normais do hábito de vida dessa ordem de animais. Geralmente, quando doentes, aparecem caídos no quintal, dentro de imóveis ou nas calçadas de ruas e praças.

O quiróptero é de hábito insetívoro (se alimenta de insetos), da família molossidae e espécie Nyctinomops laticaudatus. Com a chegada da primavera e o aumento da temperatura, há também um aumento na oferta de alimento para animais insetívoros, fazendo com que, automaticamente, a população desses animais aumente. Com isso, a incidência de morcegos que se alimentam de insetos, também aumenta, probabilizando a ocorrência e a transmissão de doenças entre eles.

Esta espécie, como muitas outras, se adaptou muito bem dentro das cidades, utilizando como abrigo, o forro de imóveis, que possuem frestas por onde esses animais têm acesso e se instalam.

A raiva é transmitida somente através do contato direto do animal com a pessoa ou com outro animal, não havendo contaminação através do ar, fezes ou urina do animal contaminado. Porém, cães e gatos podem ter contato com morcegos portadores do vírus da raiva, quando este se encontram caídos e, se não estiverem vacinados, podem se contaminar. Por isso é muito importante a vacinação antirrábica de cães e gatos, principalmente em animais que moram em áreas de ocorrência de casos positivos, pois o vírus da raiva está circulando nessas áreas e esses animais estão expostos.

O Centro de Controle de Zoonoses está em plena campanha de vacinação antirrábica, ocorrendo aos sábados, em postos espalhados por toda a cidade. Orientamos para que os proprietários de cães e gatos procurem pelo posto mais próximo da sua casa e leve seus animais para serem vacinados. A data e os postos de vacinação estão disponíveis no site da Prefeitura de Piracicaba, da Secretaria Municipal de Saúde, Canil Municipal e no Facebook e pelo SIP-156.

A vacina antirrábica também está à disposição da população durante todo ano no Centro de Controle de Zoonoses. O atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 15h e aos sábados, das 8:30 às 10:30 e das 12:00 às 14:30. O CCZ está localizado na rua Mandis, s/nº, no Jardim Jupiá. Mais informações pelo telefone (19) 3427-2400.

A vacina é gratuita!

Caso encontrem morcegos caídos, vivo ou morto, liguem para o centro de zoonoses, que iremos recolhê-lo.

Regina Lex Engel

Bióloga – CRBio 14.750D

 

 

 

PostHeaderIcon Últimas Notícias